14 de abril de 2024 - 05:07

Entretenimento

26/06/2023 17:40

Festival de quadrilhas - Explosão Caipira de São Félix do Araguaia conquista o terceiro lugar do Festrilha 2023

Da Redação

A Federação Mato-grossense de Quadrilhas Juninas (FMTQ) com o patrocínio da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT) e apoio da Prefeitura de Tangará da Serra, através da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secultur) realizou neste final de semana, em Tangará da Serra, a etapa final do Festival de Quadrilhas Juninas (Festrilha 2023).

Um dos maiores eventos culturais de Mato Grosso, o Festival de Quadrilhas Juninas contou com a participação de 14 grupos do Estado, de 11 municípios mato-grossenses, se apresentando em busca do título de Melhor Junina do Estado.

“A realização do Festrilha em Mato Grosso é uma grande manifestação cultural e popular. É uma tradição que vem lá do Nordeste e já integra o calendário de eventos do Estado, mostrando o quanto é rica a nossa diversidade cultural. Estamos felizes em contribuir com a realização desse evento que traz tanta qualidade técnica e profissionalismo”, destaca o secretário da Secel, Jefferson Carvalho Neves.

Foram sete apresentações da noite de sexta-feira, 23 e outras sete no sábado, 24. Já neste domingo, 25, unidos, os grupos aguardavam a apuração e o resultado, que saiu por volta das 13h30 e consagrou a junina Pega Fogo, de Água Boa, com 210 pontos, como a grande campeã do festival deste ano, recebeu o valor de R$ 20 mil e representará o Estado no Festival Nacional de Dança de Quadrilha, que acontecerá no Pará. Ainda foram premiados o Melhor Marcador: Pega Fogo, de Água Boa; Melhor Casal de Rei e Rainha: Os de Fora e Pega Fogo, empatados; e Melhor Casal de Noivos: Os de Fora.

O grupo junino Explosão Caipira de São Félix do Araguaia (MT) ficou em terceiro lugar na final do Festrilha 2023 em Tangará da Serra (MT) e levou 10 mil reais em premiação. As apresentações do evento aconteceram neste último final de semana, dos dias 22 a 24 de junho.  A junina teve o tema florescer.

Agora, os três primeiros colocados vão representar o estado em mais uma etapa, cada qual, em um festival conforme a colocação. A explosão caipira, em questão, vai representar o centro-oeste em uma nova apresentação no estado.  Para a equipe esta vitória tem um imenso significado. “O grupo nasceu em 2013, são 10 anos de luta para conseguir uma colocação.

O grupo de Tangará da Serra, Os de Fora, ficou na segunda colocação, com 209,8 pontos; seguido do grupo Explosão Caipira de São Félix do Araguaia, com 209,7; Império Junino, de Rondonópolis, com 208,9; Caipiras Unidos, de Rondonópolis, com 208,6; Paixão Junina, de Querência, com 208,6; Simpatia Junina, de Lucas do Rio Verde, com 208,0; Princesinha do Araguaia, de Vila Rica, com 207,6; Junina PVA de Primavera do Leste, com 207,6; Abalantes do Sertão e Mandacaru do Cerrado, de Barra do Garças, com 207,3 e 206,1, respectivamente; Os Caipiras do Araguaia, de Confresa, com 204,4; Caipiras de Plantão, de Tangará da Serra, com 202,9; e Joias do Cerrado, de Sorriso, com 202,3

 

*Com Repórter do Araguaia


Plantão

(66)98408-0740

Copyright  - O Interior News - Todos os direitos reservados